O que comer antes do treino?


O que comer antes do treino é uma dúvida comum entre os praticantes de atividades físicas. Você sabe o que ingerir no seu pré-treino?

Ganhar músculos e perder gordura não está diretamente associado somente à prática de atividades físicas. A alimentação é um grande aliado para que sua evolução seja contínua. No pré-treino, inclusive, o que comer influencia diretamente no rendimento da prática.

O grande segredo de um boa alimentação pré-treino não está apenas no déficit calórico diário, mas também na qualidade dos alimentos. Antes de ingerir menos calorias do que nosso organismo gasta, é preciso escolher macronutrientes de excelente nível, principalmente carboidrato, proteína e gorduras boas.

Vocês sabe o que comer antes do treino?

O primeiro passo é entender o tipo de exercício que você pratica, pois a alimentação nesses casos também pode variar. Dessa forma, é possível dizer que não existe uma regra geral que se enquadre em todas as modalidades.

Cada atividade física, por exemplo, possui uma forma e uma velocidade de gasto de energética. A função do organismo nesse caso é entender a maneira como o corpo precisa gastar e recuperar energia.

Atente-se aos carboidratos

A ingestão de carboidratos antes de atividades físicas é extremamente benéfica para melhorar o desempenho durante a prática. Esses nutrientes auxiliam na redução da exaustão na prática e, da mesma forma, aumentam e preservam as reservas de glicogênio do músculo e do fígado.

Para que os carboidratos tenham efeito positivo no treino, o mais indicado é consumir os alimentos dessa categoria entre 4 e 2 horas antes da prática da atividade.

Os alimentos mais indicados são: mandioca, batata-doce, tapioca e frutas. Eles são ótimos por serem de fácil digestão, principalmente se forem consumidos com o tempo mínimo previsto.

comer antes do treino

As proteínas são ótimas

As proteínas são excelentes para recuperação e a manutenção dos músculos. Porém, é válido lembrar que o seu consumo deve ser moderado antes do treino, pois exagerar na quantidade pode atrapalhar o seu desempenho. As proteínas possuem um tempo de digestão maior e isso precisa ser considerado.

Ovos, atum e frango são algumas das proteínas mais indicadas para um pré-treino de qualidade. Os shakes de proteína, famosos Whey, por exemplo, podem ser excelentes opções para quem não tem o costume de realizar grandes refeições antes de um treino intenso de força.

Cuidado com as fibras

Embora as fibras sejam super importantes em nossa alimentação, elas não são recomendadas para comer antes do treino. Isso porque, elas atrapalham a absorção dos carboidratos, causando desconfortos gastrointestinais.

Gordura em excesso? Nem pensar!

Você provavelmente já ouviu falar sobre os ceto-adaptados, certo? Geralmente são praticantes de atividades físicas que priorizam a ingestão de gorduras durante o dia como forma de energia. Contudo, é importante lembrar que isso não é para todos e, por isso, é necessário cautela.

Caso o seu corpo e organismo não estejam preparados para receber as gorduras como forma de energia, isso lhe causará problemas e dificultará o seu treino.

Alimentos como manteiga, óleos e creme de leite, por exemplo, devem ser evitados no momento do preparo de qualquer alimento pré-treino. Como substituição, opte por óleo de coco, pois ele possui uma absorção muito mais rápida e ainda garante efeito termogênico.

Essas dicas são ótimas para potencializar e garantir melhores resultados para o seu treino. Por isso, prestar atenção no que comer antes do treino é fundamental para atingir seus objetivos futuros.

Além de manter uma alimentação adequada para o pré-treino, o Lipo-X da Miligrama possui uma fórmula termogênica desenvolvida por nosso Farmacêutico PHD Gabriel Kaminski que auxilia na eliminação da gordura corporal, melhora a definição muscular e aumenta a disposição física para a prática de exercícios. Acesse nosso site e compre já o seu.